TRATAMENTOS DE ÁGUAS E EFLUENTES

Tratamentos de Águas - Maxiágua

REDUÇÃO DE FERRO, FLÚOR, MANGANÊS E OUTROS, NA ÁGUA DE POÇOS


Somos especialistas em tratamento de água subterrânea, com um CEO Geólogo e Consultor da ONU/UNESCO, com mais de 40 Trabalhos e Artigos Publicados no Brasil e Exterior sobre o assunto.

Projetamos, Implantamos e Gerenciamos Sistemas Compactos Automáticos modulares para Condomínios e Indústrias, que se adaptam a pequenos espaços, mantendo alta eficiência e com preços acessíveis, com vazões que podem variar de 0,5 a mais de 100m³/h.

Os sistemas de tratamento podem ir de simples filtração para remoção de turbidez, até remoção de metais pesados, podendo ser em PRFV, Aço Inox ou Aço Carbono, adequados à necessidade de cada cliente em especial.

Nossos sistemas de tratamento atuais são digitais e efetuam todas as operações de forma automática e constante, liberando tempo dos funcionários (zeladores, operadores, pessoa da manutenção, etc.) para suas tarefas de rotina, reduzindo custos de mão de obra e aumentando a confiabilidade em momentos de folgas, férias e troca de turnos.

 

Redução de Ferro e Manganês



De forma geral, 70 a 80% dos poços que apresentam problemas de qualidade, tem estes problemas relacionados ao ferro e manganês. Para a solução destes problemas trabalhamos com resinas seletivas e zeólitas naturais e sintéticas, aprovadas por normas Europeias e pelo NSF 61 - USA, para uso em água potável, que tem grande eficiência, mesmo em casos complexos com a presença de ferro-bactérias, que podem segregar compostos orgânicos complexantes.

 

Redução de fluoretos


Apresentamos no Congresso Brasileiro de Águas Subterrâneas, de 2004, o primeiro Trabalho do Brasil sobre a Gênese e Ocorrência de Fluoretos na Água de Poços da Região Metropolitana de São Paulo, e de lá para cá temos trabalhado com o tema largamente, com vários sistemas implantados de troca iônica e osmose reversa, com 100% de eficiência, na redução de fluoretos na água. Em 2016 apresentamos um novo Trabalho no Congresso da ABAS, com os resultados obtidos ao longo dos últimos anos, e novas tecnologias empregadas.

Os processos atuais, desenvolvidos ao longo de anos, são automáticos e muito eficientes, além de ter custos menores, facilmente absorvidos por usuários de menor vazão como condomínios.
 

Abrandadores


Manchas esbranquiçadas, incrustações em chuveiros, saunas, aquecedores e torres de resfriamento são resolvidos com a aplicação do ECONOX e/ou combinados com a utilização de abrandadores, que reduzem a dureza da água, controlando todos estes problemas.

Estes sistemas também são totalmente automatizados, evitando operações manuais, e as novas tecnologias tem possibilitado processos mais eficientes e redução de custos, totalmente acessíveis mesmo com volumes pequenos de água como 1,2 e 3 m³/h.
 
 

Estações de Tratamento de Água - ETA´s

Projetos, Fabricação e Operação de Estações de Tratamento de Água ETA's, para grandes e pequenos volumes, destinadas à água superficial ou subterrânea, para enquadramento aos padrões de Potabilidade, Normas e Legislações Vigentes.
 
Realizamos estudos de otimização de operação e custos para melhorias de performance e  redução de custos operacionais em estações já existentes.
 
Procedemos Estudos de Tratabilidade da água englobando provas via jar test, para implantação de novos sistemas ou adequação de sistemas já existentes, com ensaios comparativos de oxidantes, alcalinizantes,  floculantes e  coagulantes inorgânicos ou orgânicos.

Processo de Osmose Reversa
 

A osmose reversa ocorre quando duas soluções, de concentrações distintas são separadas por uma membrana semipermeável, (solvente e soluto), naturalmente, o fluxo de água pura para a água contaminada, a membrana permitirá apenas a passagem de solvente (água pura), retendo os solutos (sais dissolvidos e contaminantes), até que o equilíbrio osmótico seja atingido.

A água obtida pelo processo de Osmose Reversa resulta em uma água de alta pureza isenta de sais, pois a membrana de osmose tem capacidade de retenção de até 99% dos sais nela dissolvidos, este é um processo de comprovada confiabilidade. Geralmente elaborados a partir de projetos esses sistemas são minimamente compostos por pré-tratamento, filtro em cartucho, sistema de permeação, indicadores de pressão, vazão e qualidade de água produzida, painel de força e comando e sistema externo de limpeza química e desinfecção.

Nós da Maxiagua, fabricamos e desenvolvemos sistemas e equipamentos com a utilização da tecnologia de osmose reversa conforme a necessidade do nosso cliente, trabalhamos com uma equipe qualificada, composta de engenheiros, químicos, geólogos, que nos possibilita produzir sistemas customizados, atendendo de forma qualificada as necessidades dos nossos clientes. Outro ponto positivo é a nossa equipe de manutenção e montagem, preparada para executar as montagens e instalações e operação conforme seja a necessidade.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Aplicação:

  • Industrial
  • Industrial Cosmética
  • Indústria Química
  • Termodesinfectoras
  • Indústria Alimentícia
  • Industria têxtil
  • Linhas Hospitalares
  • Autoclaves
  • Hemodiálise
  • Lavagem de materiais
  • Termo desinfectoras
  • Área farmacêutica
  • Métodos de Análises que exigem mínima interferência
  • Análises químicas
  • Preparação de soluções químicas diversas
  • Produção de água tipo PW para farmácia de manipulação
  • Produção de água tipo 2 para laboratório de análises clínicas

ESTAÇÕES DE TRATAMENTO DE EFLUENTES - ETE'S

Estações de Tratamento de Efluentes Domésticos ou Industriais (ETE's), com processos físico-químicos, aeróbios, anaeróbios e anóxicos, dimensionadas adequadamente para caso em particular, em função das necessidades de cada cliente e atendendo todas as Normas, Certificações e Legislações Vigentes.
 
Nossas ETE's já preveem sistemas de compactação de lodo, e de polimento final de efluente, possibilitando seu reuso, com forte redução de custos com descarte, água, e preservando o meio ambiente.
 
Operações 100% automáticas, que reduzem o custo com mão de Obra.

ÁGUA DE CHUVA, ÁGUAS SUPERFICIAIS E REUSO

Estações para Reuso de Água, aproveitamento de água superficial (lençol freático) e tratamento de água de chuva.
 
Águas do "Lençol Freático", muito comum em edificações com subsolo, antes descartadas, tem sido aproveitadas por processos de filtração para uso geral, lavagens e jardim, e por processos de ultrafiltração para uso em torres de resfriamento, pois os processos de ultrafiltração tem uma alta capacidade de filtração, retendo inclusive uma gama de bactérias e vírus, e desta forma a água destinada  às torres tem qualidade superior, com reflexo direto na redução dos químicos utilizados e no consumo de água das purgas.
 
O tratamento de água de chuva para reuso tem seguido a mesma linha, e as novas tecnologias empregadas permitem um baixo custo de implantação, e sistemas independentes, que podem fornecer água para reuso de forma segura e contínua, inclusive em residências, que tem adotado estes sistemas de forma bastante ampla.
 

Controle de Águas Amareladas

 
É um problema comum nas edificações, causado pelo excesso de metais, que ocasionam manchas e alterações na potabilidade, que resolvemos com o ECONOX e controle de qualidade. 

Controlar os processos de corrosão e incrustação nas tubulações é fundamental para manutenção da qualidade da água, pois esta pode chegar ao cliente ou sair de um poço potável, e se tornar não potável nos pontos finais de consumo, por problemas relacionados à corrosão e incrustação. Estes problemas se agravam pela necessária cloração da água para manter sua esterilidade, e para atendimento da Legislação Brasileira (MS 2.914) para água potável para consumo humano.

Nossos processos de redução de controle de corrosão e incrustações são realizados pela aplicação de ECONOX que é o primeiro ortopolifosfato do Brasil na forma líquida, com aprovação da SABESP - SP, COPASA - MG, SANEPAR-PR, NBR 15.007, NBR 15.784, Instituto Adolfo Lutz e diversas entidades de controle e Certificação.  



 
 

Água Azulada

As tubulações de cobre sofrem com a agressão natural da água aos metais e, apesar de uma água ser potável esta pode ter características próprias, que causam ou agravam uma agressão às tubulações, que resulta na elevação de cobre e compostos de sua decomposição, nos pontos finais de consumo, causando água azulada. Este problema deve ser controlado o mais rápido possível, pois é um sintoma da agressão às tubulações, que podem rapidamente apresentar furos ou vazamentos, além do necessário controle do cobre na água, para atendimento dos limites de Potabilidade.

Para este controle foi desenvolvido o ECONOX CO, que tem ação seletiva sobre os íons de cobre, proporcionando estabilidade ao sistema, com redução da corrosão, mesmo em águas devidamente cloradas dentro dos limites legais para potabilidade da MS 2.914.
 

DECANTAÇÃO ACELERADA PARA CONSTRUÇÃO CIVIL

Descarte de água de chuva, com ou sem água do lençol freático, é um problema comum nas Obras de Engenharia.

Fornecemos estações de tratamento e coagulantes 100% orgânicos para esses casos onde muitas vezes há exposição do solo, que se mistura a estas águas, gerando um efluente que não pode ser descartado diretamente nas redes coletoras, e deve seguir a regulamentação quanto a sólidos totais sedimentáveis segundo a CONANA 357 e Decreto 8.468.
 
A mistura com águas utilizadas para molhar lajes de concreto, aumenta a complexidade do tratamento, com forte variação de pH, e assim para estas Obras desenvolvemos estações de tratamento específicas, e coagulantes 100% orgânicos como o ECOFLOC WO que não altera a classificação do material de descarte da Obra, podendo ser descartando em conjunto com este, o que proporciona importante redução de custos. Estas estações também preveem o reuso de água na própria Obra, poupando água de Concessionária para uso potável e reduzindo custos.
 
Obras de grande porte podem utilizar nossos coagulantes 100% orgânicos, em sistemas de tratamento com construção simplificada e executados na própria Obra, pois sua alta eficiência e adaptabilidade permite excelentes resultados mesmo em duras condições de operação.